(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Ensaio do início da Renascença em Florença e da Alta ...

O início da Renascença foi fundado em Florença, Itália, no século XV. Isso provavelmente floresceu em Florença por causa de seu local, sendo que ele fica no centro da Itália. Esse período foi chamado de Renascimento, porque significa “renascimento. Houve uma ressurreição de interesse dentro das belas artes clássicas, voltadas especialmente para as idéias da Grécia Antiga e de Roma. Designers durante o período em que eles começaram a ilustrar a determinação humana com fatores como parte, gestos e expressões, além de coisas e roupas realistas.

Além disso, eles usaram outras técnicas, como modelagem, que dão volume aos componentes mais redondos e perspectiva.

Esses designers também tentaram estabelecer métodos novos para retratar a tridimensionalidade, dando às variedades uma qualidade mais verdadeira e com qualidade de vida. Eles fizeram isso simplesmente observando indivíduos e animais de estimação para que eles pudessem obter uma melhor compreensão desse tipo de coisa. Artistas com o Easty Renaissance tentaram criar variedades consistentes com a relevância para o mundo, usando o que as pessoas experimentavam diariamente. O assunto da arte utilizado com base na história romana e em crenças equivocadas, como gradualmente apontou e

inclinou-se mais para as crenças religiosas. Embora os artistas tivessem a grande flexibilidade de desenvolver e explorar a aplicação de novos elementos e processos para aplicar em suas próprias obras, muitas vezes foram incentivados a criar obras com significado para a Bíblia, com a flexibilidade de escolher seu assunto específico. Algumas das principais características do período artístico do início da Renascença incluem: harmonia, proporção, gestos e expressões razoáveis, postura racional, iluminação e cor. Embora o Renascimento alemão tenha florescido e florescido dentro da cidade de Florencia, logo se espalhou para

a cidade e capital da Itália, Roma. Roma sempre foi reputada por sua alta qualidade de vida e artes plásticas. No início dos anos 1500, naquele momento, parecia haver um rápido crescimento de criações artísticas que transformavam totalmente a cidade. O período das obras de arte e conhecido como o Renascimento Substancial, observou a batida dos gênios criativos e seus magistrais e talentosos fazem uso de técnicas e idéias que foram usadas pela primeira vez em Florença. Um grande número de europeus havia sido atraído para esse tipo de cidade, o lugar em que a igreja apresentava enormes chances que poderiam ajudar os artistas a realizar e a serem reconhecidos por um público muito maior.

Porque a igreja tinha muito controle e diz acima da população italiana e porque com sua contribuição para a arte, muitos dos temas da arte incorporavam desenhos religiosos. Nesse momento específico, a obra de arte alcançou especialmente seu ponto alto de tecnicidade, com magnífica imaginação artística e incrível composição heróica. O Renascimento abrangeu muitos componentes clássicos que extraíram os detalhes e mostraram o mundo como ele realmente era. não-etéreas, as obras de arte do Alto Renascimento exploravam e buscavam obter uma perspectiva arquitetônica mais ampla e única e uma representação pictórica.

Há uma explosão de força dramática nas formas de arte que requer energia forte e cria um equilíbrio ainda mais controlado. Algumas das principais características das obras de arte da Alta Renascença são: unidade, equilíbrio, harmonia espacial, suave, cores, dimensões, claro-escuro (uso de lâmpadas e efeitos de cobertura), maquiagem e perspectiva. Os artistas do início da Renascença se separaram dos estilos mais antigos e apresentaram novos elementos e técnicas. No entanto, foram os artistas da Renascença Excessiva que também não apenas dominaram, mas dominaram essas técnicas.

As diferenças mais óbvias entre o início e o grande renascimento podem ser a forma dos personagens e o uso do claro-escuro. Os pintores do início da Renascença se inclinavam fortemente ao uso da tridimensionalidade, no entanto, a nova estratégia ainda não parecia muito correta. Como exemplo, em Lamentação sobre Cristo Morto, de Fra Angelico, existe um senso de tridimensionalidade, mas simultaneamente, se o público olhar para ele por mais tempo, isso faz sentido. As figuras parecem quase planas. Sem mencionar, os halos ao redor do cérebro das figuras não têm absolutamente nenhum senso de tridimensionalidade.

Embora ele tente produzir a ilusão, isso não resulta em conjunto.Em A criação do homem, de Michelagelo Buonarroti, é realmente evidente descobrir que Adam não é uma figura plana. Michelangelo usa elementos de contraste para criar Hersker como um número total, voluptuoso e tridimensional. Michelangelo produziu muitas esculturas. Duas esculturas singnificantes, uma única criada durante o Renascimento e a outra criada durante o Alto Renascimento, chamaram minha atenção pessoal. Apesar do fato de ambas as estátuas terem sido criadas pelos mesmos artistas, é interessante descobrir que elas são igualmente muito parecidas, ainda que muito

No mesmo período, eles mostram alterações e diferenças significativas. David foi criado no início da Renascença. Ele poderia ser mostrado enquanto um ser humano ideal estava em uma posição contraposta, que são registros de estátuas romanas e gregas antigas. David inclui características de um ser humano ideal, incluindo força, comprovada pelas informações sobre seus grupos musculares. não-eteless, parece que as proporções de Michelangelo não são totalmente corretas. A parte superior do corpo, especialmente as mãos, parece muito maior. Mais tarde, Michelangelo nos mostra como esse indivíduo evoluiu porque um designer criou Moisés no Alto Renascimento.

Pessoalmente, sinto que essa é uma das esculturas realistas e mais realistas de Michelagelo. Moisés inclui muitos detalhes complicados que dão vida à estátua. Ao contrário de Davi, Moisés retrata uma tremenda quantidade de força, energia e movimentos. A própria estátua conta sua própria história através de detalhes como músculos inchados, veias inchadas, coxas fortes e barba facial complicada. Michelangelo também mostra melhor representação de proporção com esta estatueta posterior de Moisés. Outro aspecto que diferencia os dois tempos é o elemento significativo do ponto de vista. Comparando

The Homage Money, de Masaccio, pintado no início do Renascimento e na Universidade de Rafael de Atenas, que foi revestido no Renascimento Excessivo, qualquer um pode ver até onde os artistas foram para aperfeiçoar o pensamento de perspectiva. Embora ambas as obras compartilhem semelhanças, mostrando o uso da perspectiva, a pintura de Raphael é realmente muito mais complexa. Igualmente nas pinturas, muita coisa parece estar ocorrendo ao mesmo tempo. Em The Tribute Money, Masaccio ilustra uma perspectiva que emprega profundidade, enquanto vista no cenário, onde estão as montanhas. A ilusão de espaço também é reforçada com um ponto de vista linear, situado logo atrás do grupo de pessoas.

Dentro da Escola de Atenas, Raphael é capaz de fornecer ao espectador uma expressão de que, embora exista um grupo de homens e mulheres na obra de arte, tudo parece estar maravilhosamente equilibrado. Ele usa simetria, o que equilibrará sua obra de arte. Ele também usa o elemento de perspectiva em uma abordagem muito magistral. O espectador é capaz de sentir a ilusão de profundidade óptica pelos tamanhos do rebattu. O arco na frente do local parece maior do que o interior, proporcionando ao espectador a percepção de que o cenário da pintura está em um longo corredor. Outro elemento genial que ele implementa em sua pintura é um

ponto de desaparecimento entre dois filósofos no meio, atraindo os olhos do público, especialmente para esse nível. Em suma, a obra-prima de Raphael será capaz de retratar muito bem fazer uso de partes importantes do Alto Renascimento: equilíbrio, harmonia e unidade. Os artistas do início da Renascença abriram um grande número de portas para a maioria dos artistas posteriores dentro da Alta Renascença. É evidente que, durante esses intervalos da história da arte, fabulosas obras de arte foram criadas simplesmente por artistas da música genial. Embora ambos os períodos artísticos compartilhem muitas características, você também pode obter muitas distinções entre eles.

1

Prev post Next post