(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Avaliação do ensaio de dois designers

Magritte usa tons opacos nominais, embora ele altere as cores dentro de suas cores para produzir resultados sombrios e também forneça um aspecto impressionante em camadas, contribuindo para a coleção dentro de sua obra de arte; as camadas horizontais entre o fundo fazem com que as linhas de cima para baixo das corujas se destaquem no caminho de sua obra de arte. Sabe-se que Magritte certamente não deixa mensagens invisíveis dentro de sua obra de arte, pintando inteligentemente a realidade que vê.

Apenas para esta pintura emblemática em particular, Magritte usa óleo essencial na pintura, os detalhes nítidos que ele usa em seu pincel, acidentes vasculares cerebrais, tornam a imagem verdadeira, mas não genuína ao mesmo tempo.

Seu espirituoso tipo de verdade que ele pinta cai no surrealismo, embora seus trabalhos artísticos contenham corujas simbólicas, seu retrato é claro, interessante e bem definido, esse indivíduo queria que seus espectadores olhassem para sua obra de arte e apreciassem o que é imediato, não dando eles se perguntando por que ou o que é preciso, porque tudo o que ele queria retratar está correto lá na obra de arte.

As corujas simbolizam a percepção. Pensa-se que, em muitas culturas, seja possível encontrar todas as coisas que geralmente podem estar ocultas, possivelmente ansiedades. Magritte usa essas corujas para representar, uma vez que um antigo medo humano ou as corujas são as companheiras de nossos antigos medos, as galinhas que crescem no solo podem muito bem representar as ‘raízes’ dos medos. Quando comparado a Magritte, o muçulmano de Peter Booth, ‘Untitled 1976’, exibe uma imagem de choque apocalíptico, enquanto Booth contém suas atividades pessoais desagradáveis ​​e sua perspectiva da humanidade.

Isso é aparente quando ele usa máscaras duras e frias para representar o personagem apocalíptico que ele apresenta em suas obras de arte, os tons são incrivelmente semelhantes em cada cor, embora ao visualizar toda a pintura, a comparação entre as diversas cores seja bastante proeminente, dando um frio sentindo que seus espectadores pensam. A linha fornece a mais firmemente utilizada para criar a linha de intervalo forte e, portanto, a frente, o meio e o fundo. As finas linhas repetidas com o fogo e o céu produzem padrão e sensação simulada.

A textura no espaço de vendas de tintas usa para ilustrar o lado comercial de seu panorama, talvez recomendando que ele tenha tido uma infância difícil. A forma das figuras de um muçulmano de Booth é desproporcional, o que implica que muitas vezes estão separadas de sua memória nebulosa ou talvez de alucinação, e é assim que ele as lembra. A área de apresentação usa guache no papel. Neste muçulmano, suas pinceladas intensas criam pontos de vista em sua pintura, guiando os espectadores a entender e seguir onde ele os sopra.

Seu trabalho é geralmente caracterizado por um intenso poder emocional de narrativas geralmente sombrias e simbolismo esotérico, esta obra de arte também refletindo nos sonhos de pesadelo que o categorizam no surrealismo, pois ele trabalha cuidadosamente com o componente de surpresa ou diferença de choque. As máscaras que ele usa são representativas de aspectos de seus anos de criança em crescimento no ambiente natural industrial.

você

Prev post Next post