(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Iluminação de 18 a 100 anos A iluminação wa Composition

É um grande momento de mudança na União Européia e na América. Algumas das maiores mudanças, no entanto, aconteceram para muitos, além dos artigos de muitos filósofos. Estes incluem algumas das crenças de David Hume, Jean, Jacques Rousseau, Immanuel Margen e François Voltaire. Os escritores durante esse período se concentraram no otimismo, que é a opinião para concluir tudo o que é pretendido para os melhores (Chaney

119), e o melhor para eles. os filósofos deveriam estender o cérebro do

regular. David Hume era escocês e nasceu em 04 26, 1711 e morreu

em

1776. Ele afirma que não nasceu em uma família rica e foi desenvolvido na Igreja Presbiteriana Calvinista. No entanto, depois de ser influenciado pelas obras de Isaac Newton e John Locke, ele começou a ficar do lado de fora da Catedral. Ele

escreve em

Consulta, pergunta, investigação, interrogatório. A idéia de Deus, que significa um Ser infinitamente inteligente, sensível e

, surge. de refletir sobre as operações de sua própria mente e

melhorar, sem limite, os recursos de benefícios e percepção.

(Pomerleau

214) As preocupações ele argumentou contra a religião que atividades concretas devem nos levar a negócios e isso devemos considerar a qualidade das histórias que nos foram transmitidas. Ele queria que todos imaginassem apenas as ações que um conhecedor tem de haver evidências. Ele também acreditava que

havia quatro complicações básicas nos testemunhos que ouvimos. Antes de tudo, os fatos das histórias nunca são semelhantes a todos. Segundo, todos nós expandimos os fatos para tornar tudo interessante. Terceiro, as pessoas que tendem a não entender esses tipos de histórias inventam as coisas. Finalmente, nem todas as religiões

concordam. Portanto, as histórias entraram em conflito, deixando uma pessoa

para não saber em que acreditar. Ele acredita que a maioria das nossas religiões é geralmente baseada em crenças, não na razão, e é um método seguro de sujeitá-la a colocá-la em tal julgamento, uma vez que é , de forma alguma, ajustado para

suportar. (215) Hume também acreditava no acordo social. Acontece que os reis estão em energia elétrica por causa da boa sorte e os indivíduos devem ter o controle de sua própria energia elétrica. Durante a vida de Humes, um governo agente não era algo que os países prosperaram. Ele também pensava que os deveres dos homens eram amar as crianças e envergonhar as menos afortunadas. Esse indivíduo também

achava que todos deveriam respeitar as propriedades dos outros e cumprir nossas promessas.

Hume argumentou que indivíduos são criados em nossa família com o know-how repassado

para nós, desse nível

Hume diz que o governo federal é apenas uma grande interferência interna a vida dos indivíduos.

Ele usa o tipo de povo americano em que ninguém precisa de um governo para

manter a paz dentro do grupo (Pomerleau 222). Estes são os dois detalhes

que Hume tentou produzir. Eles são a base do que levou as pessoas a pensar

sobre suas vidas e decidem que o real agora não será o melhor fator que toda a sua vida poderá realizar. Pelos pontos de vista dele, somos capazes de passar para outro importante filósofo, Jean Blue Jacques Rousseau. Jean Jacques Rousseau nasceu em Genebra em 1712. Seus primeiros anos de vida foram muito difíceis, principalmente porque sua mãe morreu

logo após o nascimento e ele foi entregue para morar com sua tia. No entanto, sua

existência mudou e ele engatou e começou seu estilo de vida como pensador.

Rousseau estava envolvido com o acordo social como Hume. Sua publicação

, no entanto, não se tornou popular até depois da Revolução do Povo da França, principalmente porque

eram situações em que a onda estava dependendo (Câmaras 669).

>

Seu melhor governo conteria um estado pequeno, redução de negócios avassaladores e igualdade de posição e fortuna (Castell 419). Esse indivíduo desconfiava dos aristocratas, pois acreditavam estar se inspirando nas tradições que antes eram muito altas (The

Iluminismo, http). Para ele, os reis estão simplesmente preocupados consigo mesmos e no momento em que um morto, outro é necessário. Nenhuma dessas pessoas, a qualquer momento, leva em consideração

os menos afortunados. Todos nós temos que seguir as crenças de

um cavalheiro. Rousseau achava que as autoridades deveriam estar nas mãos de numerosos

não apenas um em particular. Idealmente, todos em um mundo precisam estar de acordo um com o outro.

Mais uma crença que Rousseau demonstrou ser deísmo, que é que deus

surgiu com o universo e, depois disso, permitiu que isso funcionasse de acordo com a lei natural

do que interferir com isso novamente. Novamente, essas questões estavam agora sendo disputadas, assim como as pessoas começaram a perceber que toda a sua vida poderia significar mais

do que apenas os altos representantes reais poderiam afirmar. Eles começaram a pensar sobre o que é absolutamente a vida e o mundo. Isso nos leva a outro filósofo

, Immanuel Kant. Immanuel Kant nasceu em 22 de abril de 1724. Kant analisou Hume e Rousseau e repensou seus aspectos da ciência e mudou um pouco para a idéia.

Além de seu pensamento, ele também dedicou tempo e esforço a palestras de

Konigsberg

Martin Knutzen. Suas duas principais investigações científicas tratam de que medida o método científico pode ser aplicado a qualquer coisa e como descrever o conhecimento científico. Ele sabe que muitos fazem com que sua cabeça comece com alguma informação e agora pode ser dada uma resposta para os humanos

entenderem (Stumpf

302 ) Margen era companhia em sua opinião sobre o conhecimento a priori, que é o conhecimento anterior às experiências; no entanto, ele também afirma que não.

tudo pode se basear em experiências, pois não podemos conhecimento

tudo. A partir dessas filosofias, ele também acreditava em duas realidades notáveis ​​e noumena. Fenômenos, criados a partir de uma palavra grega que significa que

aparece (Castell 599) é a comunidade como a experimentamos e o noumena

geralmente é uma verdade inteligível ou sem sentido. No mundo, todos nós apenas encontramos fenômenos porque o númeno existe, mas pode ser externo por nós e só aparece, pois é organizado por nós (Stumpf 312). Por um ponto de vista interpessoal, Kant acreditava que, desde que um homem pudesse se sustentar e possuir uma casa, deveria ser qualificado como cidadão. Esse indivíduo afirma que, se muitas pessoas são obrigadas a gastar com o bem-estar público, todos devem ter sua liberdade garantida. Se isso acontecer, não será necessário uma rebelião, o que trará um governo mais poderoso. Margen acha que é difícil ter, porque as pessoas precisam de um equilíbrio político, mas, além disso, têm tempo para manter a flexibilidade. Um tipo de independência que ele sente que deveria ser mantido por simplesmente tudo é uma liberdade que todos são repreendidos da mesma forma e a pena de perda de vida só precisará ser executada quando um grande indivíduo

geralmente é comprovadamente responsável (Stumpf

316). Kant apoiou Deus porque achava que, se alguém negasse toda

existência que não suportava nenhuma lógica, quase nada seria encontrado

para alguém. Ele também afirma que é moralmente necessário assumir a existência de Deus. (Stumpf 319) Usando isso, ele também percebe que não é necessário acreditar automaticamente em Deus, embora seja necessário respeitar as crenças referentes aos benefícios holandeses. Ao pensar em Deus, de acordo com Margen, é uma experiência que

somos incapazes de não encontrar. Kant nos leva ao último dos quatro filósofos significativos

do período da iluminação, François Voltaire. Ele baseou principalmente muitas de suas idéias nos três filósofos anteriores, mas não falou com eles diretamente. Seus artigos são menos, mas ainda mais radicais, do que os outros.

François Voltaire residia entre 1694 e 1778. Para muitos, ele era conhecido como o grande debatedor antirreligioso.

Ele era o filósofo que mais favorecia o deísmo. Esse indivíduo desejava que todos pudessem parar o cristianismo e cumprir seus valores. Uma das causas que esse indivíduo sentiu foi que, por sua experiência, itens ruins vieram de crenças religiosas

(Chambers 660).

Ao contrário de Rousseau, Voltaire preferia a aristocracia e muitas vezes pediam a seus próprios partidos para discutir algumas de suas idéias. A partir disso, Voltaire, ao contrário de muitos dos filósofos de sua época, costumava pensar nas coisas por conta própria (The Enlightenment, http) e mais um por isso é geralmente

porque, por vinte e oito anos, ele foi mantido em sucessão via Paris pertencente a

alguns de seus escritos extremos. Uma das coisas mais perturbadoras da existência de Voltaires foi do seu terremoto em Lisboa, em 1º de novembro de 1755. Essa

foi uma coisa que Voltaire não foi capaz de entender e pensar para sempre .

Ele não queria se voltar para Deus como todo mundo faz, nem executou que ele precisava estar

do lado do ateu. Ele estava preso no centro e só saiu com o pensamento dos indivíduos inocentes que foram exterminados (Gay 52).Para a maioria dos

filósofos durante o período do

Iluminismo, os problemas eram fracos. A maioria deles foi obrigada a publicar seus próprios livros em segredo, e ainda teve que lidar com eles queimando enquanto os funcionários se identificavam

.

Isso pode ser uma grande decepção, no entanto, mais tarde, eles fornecem evidências de que algumas de suas crenças estão corretas quando as pessoas começam a se rebelar por causa das notáveis ​​

mensagens que podem enviado a pessoas. Se as crenças, a religião ou a política foram a base de quem as examinou, elas geralmente eram invertidas

. Dizem que indivíduos instruídos têm o poder de fazer qualquer coisa e, durante o Iluminismo, esse tipo de fonte de eletricidade é aparente e é realizada. Quer os leitores presumissem ou não os filósofos, ele recebeu o pensamento do público-alvo e ele discutiu com seus amigos e as revoltas começaram. O

Iluminismo foi um momento de mudança, mas também foi um momento que tratou

da irrealidade que alguns acreditavam que poderia ser, mas nunca foi porque alguns eram

tão extremos ou contraditórios entre filósofo e pensador.

Prev post Next post