O melhor a se fazer no estudo de caso uninter

A elaboração, criação e desenvolvimento de um estudo de caso uninter deve sempre ser um trabalho que analisa vários aspectos e variáveis ao mesmo tempo, de modo a gerar resultados que possam ser chamados de confiáveis. A roteirização de um trabalho científico, portanto, pode ter como tese de exemplo, apenas para fins ilustrativos, a criatividade na pequena empresa, especificamente uma pequena empresa familiar, situada em uma cidade específica pelo fato de que esta metodologia de pesquisa se trata justamente da leitura dos dados um caso específico e concreto.

Pode-se avaliar quando da leitura das análises que venham a ser eventualmente feitas neste exemplo hipotético como a criatividade é percebida pelos empregados e dirigentes e se o ambiente, ou seja, como é o clima organizacional? Este clima, por um acaso, estimula o seu vicejar? Levar a cabo um conjunto de apreciação de dados que permitam a extração das informações é um indício considerável de existência de altas possibilidades de o seu trabalho ser bem recebido pela banca examinadora.

O seu trabalho pode, por exemplo, analisar a questão do pressuposto central daquela atividade, de modo a poder concluir que há ao menos indícios de que o que leva os proprietários das pequenas empresas, consideradas familiares, dos setores mais tradicionais da economia, a centralizarem o conhecimento e o poder, de modo a não estimular a criatividade dos funcionários em nenhum aspecto. A conclusão do trabalho pode abordar questões relacionadas a alguns fatores diversos, como:

  • Os que caracterizam um clima favorável à criatividade;
  • Como o trabalho pode ser motivador, especialmente na área operacional;
  • Se a gerência da empresa pode em alguma medida promover a autonomia e valorização da atividade de treinamento;
  • Se existência de recompensas para os indivíduos mais criativos e o apoio da direção podem gerar resultados satisfatórios

Como escrever bem o meu estudo monográfico

Quando é que podemos dizer que um texto foi bem escrito? Esta é uma pergunta que deve ser feita àquele que pretende alcançar o esclarecimento sobre o dom da escrita. Indaga-se se o fato de estar de acordo com as regras gramaticais é suficiente para caracterizar a escrita de qualidade, a resposta – em verdade – à esta questão é bem simples. Não. O que ocorre, na verdade, é que estes são apenas um dos muitos elementos da escrita.

Ao escrever um trabalho monográfico precisamos ter em mente que o mais importante é que o texto cumpra seu objetivo, o que implica dizer, que seja bem entendido e mova o leitor a agir de alguma forma, leve a ele algum esclarecimento sobre o assunto, seja por pensar no problema que fora proposto, ou pesquisar mais sobre o assunto, dependendo do caso.

O desenvolvimento de um trabalho monográfico de estudo de caso, como você há de imaginar vai muito além de sentar à frente de um computador e começar a digitar. Isso porque o trabalho que se vale desta metodologia de pesquisa exige um trabalho intenso de pesquisa de campo, que vai muito além do que o que o aluno encontra nas bibliotecas.

Quais os hábitos que permitem a aprimoração da boa escrita

Existe uma porção de hábitos que pode te ajudar sobremaneira a escrever de maneira mais fluída e aprimorada se você os adotar em sua rotina, além de várias técnicas e costumes para organizar o conteúdo que será produzido, além da redação e da revisão em si. As sugestões que costumam trazer os melhores resultados são:

  • Faça um roteiro da sua pesquisa antes de inicia-la pois assim terá um texto melhor organizado e conciso.
  • Tenha um caderno de anotações para anotar eventuais insights relacionados à sua pesquisa
  • Estude língua portuguesa;
  • Pratique escrita diariamente;
  • Faça resumos dos materiais com que tiver contato em virtude da pesquisa que esta a realizar.

É importante ter em mente a necessidade de criar um ambiente propício para a pesquisa, ou seja, um ambiente arejado, limpo, com temperatura agradável. Deste modo será muito mais fácil ter tranquilidade para o desenvolvimento da sua monografia.