Normas para a formatação de monografia ABNT e sua estrutura

Para vocês que não conhecem nada sobre a ABNT confere maior uniformidade aos trabalhos elaborados. Com isso podemos dizer que há diversas regras e detalhes que devem ser seguidos a risca na hora de escrever e formatar trabalhos na hora de fazer a monografia, por exemplo. Essas normas eque são passadas pela ABNT costumam gerar muitas dúvidas em estudantes de graduação, excepcionalmente na reta final do curso. Para deixar isso mais fácil a tarefa de aplicar as normas ABNT no seu trabalho e te ajudar a garantir uma boa nota final para o seu projeto, preparamos este guia que explica quais são as normas ABNT para monografias e como aplicá-las na monografia.

A estrutura e a formatação da monografia ABNT deve seguir um padrão estipulado e definido pelas regras ABNT, compostas de inúmeros elementos pré textuais, textuais e pós textuais. Os elementos pré-textuais são aqueles que introduzem a monografia, sendo colocado antes do conteúdo principal e, portanto, compondo a primeira parte da monografia. Neste momento, se encontram os seguintes itens:

  • Capa,
  • Folha de rosto,
  • Folha de aprovação,
  • Dedicatória,
  • Agradecimentos,
  • Epígrafe,
  • Resumos em língua portuguesa e língua estrangeira,
  • Listas e sumário.

Após isso os elementos textuais, ou seja, a parte principal do texto é composto de introdução, desenvolvimento e conclusão. São nos elementos textuais que o autor pode explorar melhorar o problema e expor o que motivou sua investigação, relata os processos de pesquisa e confere a validade das hipóteses levantadas inicialmente. E para finalizar, há ainda os elementos pós-textuais, constituídos por tudo o que vem após o texto principal, como:

  • Referências bibliográficas;
  • Glossário;
  • Apêndices;
  • Índices e anexos.

A utilização ou não de dos itens fica a escolha do autor do trabalho e do conteúdo da monografia com o auxilio de um professor para conseguir organizar da melhor forma possível.

O requisito principal pedido pela regras da ABNT é a lista de referências, que deve conter todos os autores utilizados e citados ao longo do trabalho. As regras são passadas pelas universidades e isso tendem a tirar o sono de muitos alunos quando se aproxima a fase de entrega de trabalhos de conclusão de curso (TCC). Utilizadas mundialmente e exigidas no Brasil pela Associação Brasileira de Normas, todas essas exigências têm como função de padronizar a apresentação de todos os trabalhos de pesquisa para seguir um padrão de compreensão do que pode ser identificado por pesquisadores do mundo inteiro.

Mas adequar um trabalho às normas da ABNT não é uma tarefa fácil. Nas regras gerais, o estudante precisa estar sempre antenado sobre as exigências da universidade em que estiver cursando, já que, por exemplo, o tipo de fonte permitido pode variar entre as instituições.

Existem muitos erros que você pode cometer e um dos erros mais comuns estão no uso incorreto de termos como o (citado por) e a falta de fontes na lista de referências bibliográficas. Para evitar toda a dor de cabeça, o conselho de é simples: siga as regras desde o início do trabalho. Deve dar importância e não deixar para adicionar as fontes de citações ou colocar as referências bibliográficas só quando acabar toda a pesquisa, isso pode deixar acabar atrapalhando e acabar sendo mais exaustivo.

A História e a missão da ABNT

Desde o início, ela sempre foi uma entidade que não tem fins lucrativos e é responsável pela normalização técnica de vários setores no Brasil. É, não é só de monografia que vive a ABNT, foi fundada inclusive para a necessidade de se estudar e criar um padrão no uso do concreto armado, em 1940. Na época uma industria que estava se expandindo teve muita carência de diretrizes técnicas para conseguir sustentar sua utilização em larga escala.

Depois que a ABNT se iniciou foram feitos ajustes e claro, introduziram todas as normas para as demais indústrias, como açúcar e álcool, elementos de máquinas, códigos de instalações hidráulicas e entre outros. Uma das grandes vantagens e que podem contar um uma ótima técnica de auditores multidisciplinar e para que consiga garantindo a credibilidade, a ética e o reconhecimento dos serviços prestados.

A ABNT tem como ideia e como fundamentado estar sempre focado no objetivo de prover a sociedade brasileira passando um grande conhecimento sistematizado para as pessoas. Isso por meio de documentos normativos que permitam a produção, a comercialização e a utilização de bens e serviços de forma competitiva e sustentável. O dever disso tudo é em contribuir para o desenvolvimento científico e tecnológico brasileiro, além de oferecer proteção ao meio ambiente e a defesa do consumidor.

Isso mostra uma parte da história e você irá entender um pouco mais sobre as técnicas e padronizações que contribuem para o avanço das diversas atividades que ela regulamenta. Todas essas vantagens e todas essas atividades acadêmicas as normas tem como finalidade de realizar a criação de novos conhecimentos que contribuam para o progresso almejado pela ABNT, sendo, portanto, um ponto fundamental da missão da entidade.

A importância da ABNT para a produção acadêmica

Para a produção acadêmica e científica é de suma importância todas as normas ABNT, todas essas normas podem assustar você um pouco mas é para conseguir manter um padrão uniforme na estrutura e apresentação dos trabalhos. Dessa forma todo o trabalho que for produzido na região sul ele será facilmente compreendido em qualquer outra região do Brasil e do mundo.

Além disso para que não ocorra casos que o autor produza sua monografia ABNT de acordo com suas preferências pessoais, o que criaria uma incompatibilidade entre toda a produção acadêmica, deixando o trabalho confuso e atrapalhando muito em trocar ideias, conhecimentos e experiências, resultando numa grande barreira para poder fazer avanços científico e tecnológico nacional.

Tudo que foi citado aqui que pode atrapalhar as normas ABNT ajuda para que não ocorra nenhuma dessas situação, claro, em conjunto de diretrizes que auxiliam no desenvolvimento de pesquisas. Com todas essas normas podemos garantir que todos as monografias terá as mesmas estruturas e aparências, o que irá facilitar no acesso às informações, a correção e a avaliação dos projetos. Não ache que fazer a sua monografia será muito difícil, você terá alguém que poderá te aconselhar nas suas decisões e ajudará você a fazer da forma correta, a forma que a ABNT exige de todos do mundo.