(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Impacto da violência na mídia de massa em crianças

A mídia de massa retrata drogas, distúrbios sexuais, psicológicos e comportamentais, que raramente coincidem com a realidade. Por exemplo, a televisão geralmente mostra um cenário em que o amor não correspondido leva necessariamente à depressão grave e ao suicídio.

No entanto, a consciência cotidiana das pessoas considera todos os estereótipos negativos dos meios de comunicação de massa influenciando mal as pessoas em geral e as crianças em particular. A infância é um período de desenvolvimento, quando as crianças normalmente buscam independência, exploram a identidade pessoal e constroem relacionamentos.

Na idade de 3 a 11 anos, as crianças desenvolvem idéias sobre o mundo, habilidades cognitivas e comunicativas estão sendo construídas. Nesse período, quando a criança está apenas começando a tomar forma como pessoa, ela é influenciada não apenas pelos pais, o que é garantido, mas a televisão também cria uma imagem do mundo exterior. A vigilância excessiva da TV gera ansiedade nas crianças. Posteriormente, essa situação provoca a substituição do pensamento individual pelo grupo um, formando a dependência. Como resultado, assistir televisão inibe o desenvolvimento da personalidade da criança e a capacidade de pensar de forma independente.

As crianças, como espectadores mais sensíveis e incompetentes, experimentam o maior impacto da mídia visual. 20% das crianças com idade de 9 meses são desaceleradas no desenvolvimento se seus pais substituem a comunicação ao vivo com a TV. Psicólogos americanos calcularam que adolescentes de até doze anos testemunham 100 mil cenas de violência e assassinato na TV.

A mídia de massa, particularmente a televisão, é uma das instituições mais influentes da socialização da pessoa humana. De acordo com os resultados da análise, podemos falar da presença de coordenação entre o desejo de assistir cenas violentas e o comportamento agressivo entre os jovens.

Um conhecido psicólogo canadense, Bandura, e seus colegas conduziram os primeiros experimentos relacionados à influência da mídia no comportamento humano. O estudo incluiu crianças de 3 a 7 anos de idade. Eles foram mostrados caricaturas curtas, onde um adulto negativamente tratou uma boneca. Depois de assistir a essas cenas, as crianças tiveram tempo de jogar um jogo em 10 a 20 minutos, enquanto o pesquisador da época observava atentamente cada criança, corrigindo suas ações e ações. Como resultado dessa experiência, foi revelado que algumas das crianças repetiram o comportamento do ator, isto é, simularam agressão.

Muitos programas de TV formam em crianças a indiferença ao mal e a falta de compaixão em relação a outras pessoas ou objetos inanimados. Cartuns e programas de TV mostram que todos os problemas e conflitos são resolvidos em grande parte pela força, e as crianças copiam isso sem cuidado.

Prev post Next post