(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Exegese no Jardim do Éden

A primeira história da criação termina com a linha de que são gerações da terra e do céu quando elas são criadas. Depois disso, Genesis muda para outra história da criação, que é bem diferente da primeira. Basicamente, trata de um novo conjunto de respostas e perguntas. Assim como muitas histórias e passagens da Bíblia, especialmente em Êxodo e Gênesis, é bastante simplista e breve. É uma das primeiras e mais importantes histórias da Bíblia, por isso merece muita atenção.

Existem regras e lições diferentes, como vários tópicos e temas recorrentes. Nesta exegese do Jardim do Éden, vale a pena mencionar diferentes pontos, como os seguintes:

  • Como isso contrasta e compara com a primeira história da criação;
  • Como o homem difere da mulher;
  • Como o homem difere de todos os animais;
  • Por que e como o homem e a mulher foram criados;
  • Suas relações um com o outro e com Deus.

Além disso, existem muitos métodos usados ​​pelo autor para contar esta história interessante e importante. Ele se concentrou no homem e esta história começa quando Deus criou os céus e a terra, mas animais, plantas e o homem serão criados em breve. Deus toma a decisão de criar o homem a partir do barro, e ele lhe dá vida respirando a própria respiração nele. Deus também cria um belo jardim com a Árvore do conhecimento do mal e do bem e da Árvore da Vida. Ele também diz ao homem para evitar comer dessas árvores porque ele morrerá.

Esta história também conta aos leitores de um rio que sai do jardim e se separa em quatro rios. Deuses entende que o homem não pode ficar sozinho, então ele cria animais e permite que ele nomeie todos eles. Ele tira uma costela do peito do homem para fazer a mulher. Ambos estão satisfeitos com sua criação, e este casal vive junto sem vergonha e nu.

Ao contrário da primeira história da criação, essa pode ser chamada de lenda ou mito porque é uma história tradicional que explica a criação da Terra e não é autenticada. O autor usa essa narração como uma abordagem eficaz e simples para descrever esse jardim, plantas, animais e assim por diante. Esta história explica os originais do poder e da vida de Deus. Assim como a primeira história da criação, é usada para mostrar a todo-poderosa de Deus. Finalmente, seu autor parece um contador de histórias bastante habilidoso porque usa uma variedade de frases e palavras descritivas para permitir que todos os ouvintes entendam sua história.

Prev post Next post