(48) 4507-5403
Você quer saber como fazer um trabalho academico? Por apenas R$ 10 por página Obtenha um exemplo de monografia gratuito e pronto

Breves fatos sobre o presidente Ben Franklin

Ben Franklin nasceu em 17 de janeiro de 1706 na cidade de Brooklyn, na época propriedade da Grã-Bretanha. O menino foi o décimo quinto filho de uma grande família de descendentes pobres da Inglaterra.

Benjamin era uma criança inteligente e inquisitiva, mas teve que estudar apenas alguns anos. Ele recebeu apenas educação primária. Apesar disso, Benjamin passou toda a sua vida fazendo esforços titânicos para sua auto-educação, tornando-se uma das pessoas mais educadas do país. Ele estudou independentemente quatro línguas estrangeiras, incluindo o latim.

Ele tinha habilidades indubitáveis ​​para os negócios. Depois de deixar a casa de seu pai aos 17 anos, o jovem encontrou-se na Filadélfia e, aos 21 anos, conseguiu se tornar proprietário de uma pequena gráfica.

Mais tarde, por muitos anos, Benjamin desenvolveu seu negócio, sendo simultaneamente editor, escritor e jornalista. Estes foram os anos em que a América, então uma colônia, sentiu-se pelo seu lugar na vida. O jovem enérgico e educado não ficou longe dos acontecimentos. Ele fundou várias sociedades, incluindo a filosófica, e deu vida à primeira biblioteca pública do continente.

Desde 1736, Benjamin Franklin foi membro da Assembléia da Pensilvânia, um órgão representativo público. Como participante, ele foi várias vezes às conversas representativas na França e na Inglaterra.

Benjamin Franklin sempre atribuiu importância excepcional aos direitos humanos e liberdades. Ele tomou parte ativa na luta pela independência da América e depois pela liberdade da escravidão. Ele não era um guerreiro, tentando impedir o derramamento de sangue pela diplomacia, mas sua contribuição para a independência dos EUA não pode ser subestimada. A assinatura de Franklin está nos três documentos mais importantes para a América: a Declaração da Independência, a Constituição dos EUA e o chamado Segundo Tratado de Versalhes.

Ele notou que os navios postais que percorrem a costa leste da América passam o mesmo tempo em rotas diferentes, dependendo de serem liderados por capitães locais ou ingleses. Um pouco de pesquisa, reflexão e cálculos possibilitaram que o cientista dos correios descobrisse a vasta corrente oceânica hoje conhecida como Corrente do Golfo.

Os americanos o consideram seu ídolo, lenda e um dos fundadores do país. Além de suas três assinaturas históricas, Benjamin é lembrado como um dos autores do desenho do chamado Grande Selo dos EUA – o emblema nacional do estado.

Apesar do fato de que a imagem de Benjamin Franklin adorna uma nota de 100 dólares – ele não era o presidente dos Estados Unidos.

Prev post Next post